ANÁLISE FÍSICO-QUÍMICA DO ETANOL HIDRATADO COMBUSTÍVEL NA CIDADE DE SÃO PAULO

Daniel de Araujo Doretto, Maria Marcia Pereira Sartori, Waldemar Gastoni Venturini Filho

Resumo


O objetivo deste trabalho foi analisar físico-quimicamente o etanol hidratado combustível comercializado na zona leste do município de São Paulo. Foram coletadas doze amostras de etanol, de quatro bandeiras diferentes, três postos por bandeira. Foram realizadas análises de aspecto, cor, pH, condutividade elétrica máxima, massa específica, teor alcoólico, teor de hidrocarbonetos máximo e teor de sódio máximo. Os resultados das análises foram comparados com as normas, atualmente vigentes, do Regulamento Técnico n. 3/2011 da ANP. Das doze amostras analisadas, três apresentaramvalores de pH acima do limite máximo. Uma amostra apresentou valores de condutividade elétrica, teor de sódio e teor alcoólico acima do limite máximo e massa específica abaixo do limite mínimo, constatou-se que essa amostra teve seu pH corrigido (elevado) com hidróxido de sódio e também, que era produto da adulteração conhecida popularmente como álcool molhado.

PALAVRAS-CHAVE: Etanol combustível, Adulteração, Qualidade.

 

PHYSICAL-CHEMICAL ANALYSIS OF HYDRATED ETHANOL IN A DETERMINED REGION OF SAO PAULO CITY

ABSTRACT: The objective of this work was to analyze physical-chemically the hydrated ethanol fuel commercialized in the east zone of Sao Paulo city. Twelve samples of ethanol were collected from four different flags, three gas stations per flag.  The following analyzes were performed: aspect, color, pH, maximum electrical conductivity, specific mass, alcohol content, maximum hydrocarbon content, and maximum sodium content. The analysis results were compared with the norms, nowadays in vigour, of ANP’s Technic Regulation n. 3/2011. Of the twelve samples analyzed, three presented pH values above the maximum limit. One presented electrical conductivity values, sodium content, and alcohol content above the maximum limit and specific mass below the minimum limit. It was evidenced that this sample had its pH fixed (raised) with sodium hydroxide and also that it was an adulteration product known popularly as wetted alcohol.

KEYWORDS: Ethanol fuel, Adulteration, Quality.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17224/EnergAgric.2016v31n4p356-360