A PRODUTIVIDADE DE DIFERENTES VARIEDADES DE MANDIOCA CONSORCIADAS COM O CULTIVO DE CAFÉ

Antônio de Souza Silva, Gláucia Almeida de Moraes

Resumo


Objetivou-se avaliar oito genótipos de mandioca para identificar o(s) mais promissor(es) nocultivo consorciado com a cultura do café, na Região do Vale do Ivinhema, MS. Manivas de mandiocacom comprimento variando entre 10 e 15 cm, provenientes de um ciclo de cultivo, foram plantadasmanualmente nas entrelinhas do café, com 0,50 cm entre elas. Foram avaliadas os cultivares demandioca IAC 14, IAC 15, IAC 576, IAPAR 5017, Baianinha, Cascuda, P1 e P2, para obtenção da %de amido pelo método empregado nas Fecularias da região (renda) e da produção de raízestuberosas (kg ha-1). O maior teor médio de amido foi obtido pelo cultivar IAC 15, embora somentetenham sido observadas diferenças estatísticas significativas entre a renda deste cultivar e o IAC 14 eIAPAR 5017, que apresentaram os piores resultados.O cultivar Baianinha, também diferiu do cultivarIAPAR 5017. Não houve diferença estatística quanto ao parâmetro produtividade, mas o melhoríndice de colheita em consórcio foi apresentado pelo cultivar IAPAR5017 (19.200 kg.ha-1) e o piorpelo cultivar Baianinha (7.725 kg.ha-1). Conclui-se que, com base nos dois parâmetros avaliados, oplantio de mandioca em consórcio com o café é uma alternativa viável e o cultivar IAC 15 mostrou-serecomendado para este plantio.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.