SISTEMA RADICULAR DO PORTA-ENXERTO IAC 572 ‘JALES’ SOB NIÁGARA ROSADA NAS CONDIÇÕES DO CERRADO GOIANO

  • Luiz Fernandes Cardoso Campos Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • José Alves Jr. Universidade Federal de Goiás
  • Camila Meira de Abreu Campos Universidade Estadual de Goiás
  • Derblai Casaroli Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • Adão Wagner Pego Evangelista Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • Alexsander Seleguini Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM)

Resumo

SISTEMA RADICULAR DO PORTA-ENXERTO IAC 572 ‘JALES’ SOB NIÁGARA ROSADA NAS CONDIÇÕES DO CERRADO GOIANO

 

 

LUIZ FERNANDES CARDOSO CAMPOS1; JOSÉ ALVES JR.2; CAMILA MEIRA DE ABREU CAMPOS3; DERBLAI CASAROLI2; ADÃO WAGNER PEGO EVANGELISTA2 E ALEXSANDER SELEGUINI4

 

1 Programa de pós-graduação em agronomia, Universidade Federal de Goiás, Goiânia-GO, e-mail: luizfernandescampos@hotmail.com.

2 Setor de engenharia de Biossistemas, Escola de Agronomia, Universidade Federal de Goiás, Goiânia-GO, e-mail: jose.junior@pq.cnpq.br; derblai@pq.cnpq.br; awpego@pq.cnpq.br;

3 Engenheira agrônoma, Universidade Estadual de Goiás, Palmeiras de Goiás, e-mail: camilaabreuagro@hotmail.com.

4 Setor de Horticultura, Universidade Federal do Triangulo Mineiro, Campus Universitário de Iturama, Iturama – MG, e-mail: aseleguini@gmail.com.

 

 

1 RESUMO

 

O conhecimento da distribuição das raízes no solo é fundamental para a produção agrícola, pois permite realizar o manejo mais adequado em cada etapa do desenvolvimento. O objetivo deste trabalho foi avaliar a distribuição do sistema radicular de plantas de videira, do porta-enxerto IAC572‘Jales’ sob a cultivar Niágara rosada no cerrado goiano em duas idades de plantas. As plantas avaliadas localizavam-se em áreas de Latossolo Vermelho distrófico, arranjadas no espaçamento 2,5mx2,5m. Avaliaram-se espessura e densidade das raízes a partir de amostras de solo coletadas à cinco distâncias do caule (0,25; 0,50; 0,75; 1,0; e 1,25m) e cinco profundidades (0,0-0,20m; 0,20-0,40m; 0,40-0,60m; 0,60‑0,80m; e 0,80‑1,0m). Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial triplo 2x5x5 (idades x distâncias do caule x profundidades), com três repetições. A idade das plantas não influenciou na densidade. As raízes com diâmetro menor que 2mm concentram-se na camada de 0,0-0,20m de profundidade. Raízes grossas com diâmetro acima de 2mm concentram-se até 0,50m de distância do tronco e na profundidade de 0,20‑0,40m. A profundidade efetiva do sistema radicular foi encontrada a 0,60m, e a distância efetiva até 1,00m, sendo esta zona onde concentram-se 80% das raízes, já a partir do segundo ano de idade do pomar.

 

Palavras-chave: Vitis labrusca, densidade de raízes, comprimento de raiz, profundidade efetiva

 

 

CAMPOS, L. F. C.; ALVES JR., J.; CAMPOS, C. M. A.; CASAROLI, D.; EVANGELISTA, A. W. P.; SELEGUINI, A.

ROOT SYSTEM OF IAC 572 'JALES' ROOTSTOCK UNDER NIAGARA ROSADA VINE PLANT IN GOIÁS STATE SAVANNA CONDITIONS

 

 

2 ABSTRACT

 

The knowledge of roots distribution in soil is fundamental for agricultural production, since it allows performing the most appropriate management in each stage of development. The objective of this work was to evaluate the roots distribution of rootstock of vine plants IAC572'Jales' under Niagara rosada cultivar in cerrado of Goiás at two plant ages. The evaluated plants were located in areas of dystrophic Red Latosol, arranged in spacing 2.5mx2.5m. Root thickness and density were determined from soil samples collected at five distances of the stem (0.25, 0.50, 0.75, 1.0, and 1.25m) and five depths (0.0-0.20m, 0.20-0.40m, 0.40-0.60m, 0.60-0.80m, and 0.80-1.0m). A completely randomized design was used, in a triple factorial scheme 2x5x5 (ages x distances of the stem x depths), with three replications. The age of the plants did not influence the roots density. The finer roots with a diameter of less than 2mm are concentrated in 0.0-0.20m layer. Thick roots with a diameter above 2mm are concentrated up to 0.50m away from the trunk and at a depth of 0.20-0.40m. The effective depth and distance of the root system (80% of roots concentrated) were found at 0.60m and up to 1.00m, respectively, already from the second year old.

 

Keywords: Vitis labrusca, density of roots, root length, effective depth

Biografia do Autor

Luiz Fernandes Cardoso Campos, Universidade Federal de Goiás (UFG)
Engenheiro Agrônomo pela UEG, Mestre em Agronomia e Doutorando em Agronomia pela UFG.
José Alves Jr., Universidade Federal de Goiás
Engenheiro Agrônomo (Unesp 2001), Doutor em Irrigação e Drenagem (ESALQ_USP 2006), Professor Adjunto III na Universidade Federal de Goiás
Camila Meira de Abreu Campos, Universidade Estadual de Goiás
Engenheira Agrônoma e Mestre em Engenharia agrícola pela UEG.
Derblai Casaroli, Universidade Federal de Goiás (UFG)
Engenheiro Agrônomo e mestre em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria, Doutor em Física do Ambiente Agrícola pela Universidade de São Paulo, e atual professor Adjunto 3 na UFG.
Adão Wagner Pego Evangelista, Universidade Federal de Goiás (UFG)
Engenheiro Agrícola e mestre em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Lavras, Doutor em Irrigação e Drenagem pela Universidade Federal de Viçosa, e atual professor Associado 1 na UFG.
Alexsander Seleguini, Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM)
Engenheiro Agrônomo, Mestre e Doutor em Agronomia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) Ilha Solteira, e atual professor Associado 1 na UFTM.
Publicado
2018-06-18
Seção
Artigos