CONSUMO DE COMBUSTÍVEL DA COLHEITA MECANIZADA DE CANA-DE-AÇÚCAR EM DIFERENTES VELOCIDADES DE DESLOCAMENTO E ROTAÇÕES DO EXTRATOR PRIMÁRIO

Murilo Battistuzzi Martins, Kléber Pereira Lanças, Maria Márcia Pereira Sartori, João Vitor Paulo Testa

Resumo


Este trabalho teve por objetivo avaliar o consumo de combustível da colheita mecanizada de cana-de-açúcar em diferentes velocidades de deslocamento e rotações do extrator primário. O experimento foi conduzido em um canavial colhido sem queima prévia, com a cana-de-açúcar da variedade CTC 15, em seu primeiro estágio de corte e com porte classificado como ereto. O espaçamento entre fileiras foi de 1,5m e a produtividade agrícola média da cultura de 92,5 t ha-1. A colhedora de cana-de-açúcar utilizada foi a de uma linha, operando em três velocidades de deslocamento, sendo V1 (3,0 km h-1), a velocidade V2 (5,0 km h-1) e V3 (7,0 km h-1). Foram utilizadas duas rotações do extrator primário, sendo a R1 de 700 rpm e R2 de 1000 rpm. No experimento foi avaliado o consumo de combustível da colhedora com o uso de fluxômetros assim como o desempenho da mesma. A capacidade de campo efetiva (ha h-1) e o consumo horário efetivo de combustível (L h-1) foram maiores, com o aumento da velocidade de deslocamento da colhedora de cana-de-açúcar e com o aumento da rotação do extrator primário. O estudo mostrou que com o aumento da velocidade de deslocamento da colhedora diminuiu o consumo de combustível por tonelada de cana-de-açúcar colhida (L t-1).

PALAVRAS-CHAVE: desempenho; rendimento operacional; avaliação; mecanização.

 

FUEL CONSUMPTION OF SUGARCANE MECHANIZED HERVESTING UNDER PRIMARY EXTRACTOR DIFFERENT SHIFTING SPEEDS AND SPINS

ABSTRACT: This study aimed to evaluate the fuel consumption of mechanized harvesting of sugar cane under different speeds of displacement and rotation of the primary extractor. The experiment was conducted in a sugar cane variety CTC 15 in its first cutting stage and size classified as erect, harvested without burning. The row spacing was 1.5 m and the average agricultural crop yield of 92.5 t ha-1. The harvester used was of one line, operating in three shift speeds, V1 (3.0 km h-1), V2 (5.0 km h-1), and V3 (7.0 km h-1). Two rotations of the primary extractor were used, the R1 of 700 rpm and R2 of 1000 rpm. Fuel consumption was evaluated by using flowmeters as well as its performance. The effective field capacity (ha h-1) and the actual time fuel consumption (L h-1) were greater increasing traveling speed and rotation. Increased harvester travel speed decreased fuel consumption per ton of sugarcane harvested (L t-1).

KEYWORDS: Performance; operating efficiency; evaluation; mechanization.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17224/EnergAgric.2017v32n2p115-119